(in)contidos - O novo livro de Vinícius Fernandes da Silva do PSQC

(in)contidos - O novo livro de Vinícius Fernandes da Silva do PSQC
(in)contidos - O novo livro de Vinícius Fernandes da Silva do PSQC. Saiba como adquirir o mais novo livro de Vinícius Silva clicando nesta imagem

sexta-feira, 4 de janeiro de 2008




Foto de minha passagem de ano novo!

2007 / 2008

Caros amigos leitores deste singelo e humilde blog. Muita coisa aconteceu neste ano de 2007, inclusive a criação deste mesmo que está sendo lido neste exato momento por vocês: o nascimento do PSQC foi em 2007. Admito que a idéia de criar este espaço virtual-poético demorou algum tempo a ser concretizada e que também sofreu resistências de meu id, ego e superego. Sempre fui um romântico com relação às publicações poéticas e sempre imaginei que lançaria meu primeiro livro de poesias por alguma pequena e/ou média editora (e que não venderia muito mas receberia críticas interessantes do Prosa&Verso de O GLOBO) e que no lançamento do meu segundo livro de poesias e contos já seria visto como uma das promessas da nova (tenho quase trinta) geração de poetas cariocas/brasileiros.

Admito que relutei para criar este blog, mas com a insistência de minha amiga e conselheira-mor Lucinha, criei-o sem muitas expectativas. Levei uma madrugada para configurá-lo, dá-lhe o título, subtítulo, gracinhas e etc. A formatação(modelo) também, a princípio, foi escolhida de forma aleatória. O blog seria meu patinho-feio onde poderia colocar meus velhos-novos textos para 3 pessoas lerem (contando comigo).

E assim fui levando o tal...

Mas algo surpreendente ocorreu, com uma velocidade estonteante meu interesse pelo blog ficou obsessivo, inusitado, enlouquecido, tarado, excitado, entre outros. Queria saber mexer em tudo, em todos os detalhes, mexer na formatação, nas letras, nas cores, na linhas verticais e horizontais, queria saber o que é HTML (alguém sabe o que é HTML?), queria postar todos os textos, de ter todos os leitores, espalhar a notícia do blog, espalhar seu título, colocar arquivos de fotos, música, youtube, orkut, mp3, mp4, e mais e mais e mais...

E depois desse consumo interno por esse espaço virtual, o que mais me levou às mais angustiantes esperas e lancinantes curiosidades foi o espaço denominado:
Comentários.

É realmente algo de atormentar a alma ter que esperar pelos comentários, não, não faço questão dos comentários bons, os bonitinhos, os bem-educados, não, espero por todos, por todos os comentários, os ruins, os indiferentes, os malvados, os críticos, os "não vou com sua cara" e a cada dia que acordo abro o blog para lê-los, como um bêbado pela cachaça do dia, e quando vejo que um texto não foi comentado, fico triste, não por achar que as pessoas são obrigadas a comentá-lo, mas por vê-lo ali tão sozinho, tão carente, sem uma palavra amiga para consolá-lo ou incentivá-lo. Os poetas são muito corujas com seus filhos.

E agora, com o
PSQC nascido, parido e andando com suas pernas, fico bobo e lisonjeado em saber que o mesmo detém a atenção de algumas pessoas, amigas ou distantes, mas que sempre fazem um afago ao filho e ao criador, ora pelos comentários, ora pelo orkut, ou pessoalmente. E sabendo disso prometo mantê-lo, ter zelo por ele, postar continuamente, acabar com meus velhos textos (ainda tenho bastante coisa guardada) e o mais rápido possível escrever os novos, os de 2008, 2009, 2010... e finalmente publicar meus livros, em papel, lógico.

E para o ano de 2008 o
PSQC trará algumas novidades, serão criadas 5 novas seções (popularmente conhecidas como "marcadores"), estas serão: Cinefilia, Acordes, Literatos, Contos e Pensamento Solto.

Sim, terei o cúmulo do absurdo em me enveredar pelos mais diversos ramos das artes, da música ao cinema, passando pela literatura à ficção e filosofia. Tenho autoridade para tocar, falar, criticar, sugerir, amar, esculhambar, essas "coisas"? É lógico que não! E é exatamente por isso que irei fazê-lo. Tenho certeza que será um trabalho-diversão divertido. Conto com os olhos de vocês! Os marcadores
Tiros Poéticos, Palavras Vermelhas, Acad"i"mia e Bobagens, continuarão enquanto forem necessários, assim como tudo neste blog, incluindo seu pai-criador.

Como desejos e metas para este ano que se inicia também deixo registrado minha vontade em ter o modelo (configuração) do blog com uma cara mais personalizada, com a fisionomia que penso que ele deve ter, e isso obviamente ocorrerá quando eu souber o que é HTML (também conto com a ajuda dos queridos leitores nesta questão) ou quando tiver dinheiro para poder pagar algum designer.

Por fim deixo claro que o
PSQC é, e será, um espaço preponderantemente dedicado à poesia, mesmo com as muitas seções criadas e textos extra-poesia, mesmo nas resenhas e críticas, a poesia será o norteador das idéias. É tentador transformar o blog em um espaço para escrever sobre tudo (e isso é uma idéia realmente tentadora), para fazer dele uma agenda, um diário, escrever sobre o que aconteceu no dia, da topada na rua, no atraso do compromisso, da briga com a mãe, com a namorada. Existem muitos blogs com esse perfil, ótimos blogs, que juntam os acontecimentos do cotidiano com as crônicas dos jornais, fazendo disso textos interessantes, muitos e muitos blogs fazem isso, e com maior sucesso, lembro agora do blog do Bruno Medina (um dos músicos do Los Hermanos) e que é feito de pensamentos, cotidiano e crônicas. Tenho certeza que o blog dele, a vida dele, e as vidas cotidianas dos donos desses muitos blogs são muito mais interessantes que a minha vidinha ordinária e chata, de poeta pobre e que mora mal. Ser poeta na Zona Sul é bem diferente de ser poeta na Baixada (isso tá parecendo inveja... hum... hum... e é!).

De qualquer forma está decretado! Minha vida pessoal (sei que serei famoso) não interessa a ninguém, nem à Caras, à Contigo ou a vocês leitores (estou namorando e quero morar com ela logo, não contem para ninguém). Minhas poesias são o exemplo claro do que é a vida cotidiana urbana nessa época em que vivemos. E depois disso tudo despeço-me agradecendo todos os comentários feitos em 2007 e que eles tripliquem em 2008. Agradeço pela paciência dos velhos amigos e à generosidade dos novos.

Besos a todos.

Postar um comentário

Deixe seu email para que você possa receber as novidades e promoções do PSQC!

Obvious Lounge: Palavras, Películas e Cidades

Obvious Lounge: Palavras, Películas e Cidades
Agora também estamos no incrível espaço de cultura colaborativa que é a Obvious. Lá faremos nossas digressões sobre literatura, cinema e a vida nas cidades. Ficaram curiosos? É só clicar na imagem e vocês irão direto para lá!

(in)contidos - O novo livro de Vinícius Fernandes da Silva do PSQC

(in)contidos - O novo livro de Vinícius Fernandes da Silva do PSQC
Saiba como adquirir o mais novo livro de Vinícius Silva clicando nesta imagem

Palavras Sobre Qualquer Coisa - O livro!

Palavras Sobre Qualquer Coisa - O livro!
Para efetuar a compra do livro no site da Multifoco, é só clicar na imagem! Ou para comprar comigo, com uma linda dedicatória, é só me escrever um email, que está aqui no blog. Besos.

O autor

Vinícius Silva é poeta, escritor e professor, não necessariamente nesta mesma ordem. Doutor em planejamento urbano pelo IPPUR/UFRJ, cientista social e mestre em sociologia e antropologia formado também pela UFRJ. Foi professor da UFJF, da FAEDUC (Faculdade de Duque de Caxias), da Rede Estadual do Estado do Rio de Janeiro (SEEDUC) e atualmente é professor efetivo em sociologia do Colégio Pedro II, no Rio de Janeiro. Criou e administra o Blog PALAVRAS SOBRE QUALQUER COISA desde 2007, e em 2011 lançou o livro de mesmo nome pela Editora Multifoco. Possui o espaço literário "Palavras, Películas e Cidades" na plataforma Obvious Lounge. Já trabalhou em projetos de garantia de direitos humanos em ONG's como ISER, Instituto Promundo e Projeto Legal. Nascido em Nova Iguaçu, criado em Mesquita, morador de Belford Roxo. Lançou em 2015, pela Editora Kazuá, seu segundo livro de poesias: (in)contidos. Defensor e crítico do território conhecido como Baixada Fluminense.

O CULPADO OCUPANDO-SE DAS PALAVRAS

Contato

O email do blog: vinicius.fsilva@gmail.com

O PASSADO TAMBÉM MERECE SER (RE)LIDO

AMIGOS DO PSQC

Google+ Followers

As mais lidas!